Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2014

Nikolaus Schneider renuncia à presidência da Igreja Evangélica na Alemanha

Imagem
Nikolaus Schneider renuncia ao mandato de presidente da Igreja Evangélica na Alemanha e deixa o posto em novembro. O presidente do Conselho da IEA surpreendeu a comunidade protestante alemã e europeia com o anúncio de sua renúncia. O câncer de sua esposa é o motivo. “Acompanhar minha esposa que contraiu um câncer torna este passo inevitável”, disse Schneider em um comunicado à imprensa. “Pretendo dedicar todo o meu tempo ao nosso caminho em comum e este é um desejo que não vou realizar ao lado do ministério na IEA”, concluiu.

Anne e Nikolaus Schneider casaram em 1970 e têm três filhos, sendo que a filha mais nova faleceu em 2005 vítima de leucemia. A luta da filha contra o câncer rendeu um livro que o casal escreveu em conjunto. Schneider, de 66 anos, é o dirigente máximo dos protestantes na Alemanha desde 2010, quando substituiu a bispa Margot Kässmann na função. Seu mandato no comando da IEA iria estender-se até novembro de 2015.

Prefeito destemperado

Imagem
O prefeito de Blumenau, Napoleão Bernardes, pisou no tomate ontem. Sua aparição na TV, falando dos grevistas, mostrou um político despreparado para a função que exerce. Destemperado, com a face vincada pelos traços da ira e da irredutibilidade, ele transpirava determinação em defender a administração implacável do orçamento municipal contra as reivindicações dos professores. Ao classificar a justa reivindicação dos nossos mestres de irresponsabilidade, junta-se ao que há de pior no trato do tema Educação de parte da politicalha tupiniquim. O que se viu ali foi um homem irredutível, incompatível com a simpatia e o discurso quase tagarela de outrora. Ele foi curto e grosso. Com isso, em minha avaliação Napoleão Bernardes começa a trilhar um caminho sem volta, o do fim precoce da sua carreira política.

Procura-se pastor motociclista

Imagem
Cerca de 25 mil motociclistas e suas máquinas participaram do culto em Hamburgo, no dia 22 de junho. 
A Igreja Evangélica do Norte da Alemanha está procurando um pastor para coordenar o programa que mantém junto aos motociclistas. O pastor Joachim Lenz, que entrou no programa apesar de ser o ministro responsável pelo Dia da Igreja Evangélica em Fulda, não tem espaço na agenda para tocar os dois projetos. O pastor Joachim Lenz organizou o culto deste ano, mas tem outra função e busca um substituto.
Uma das principais tarefas do pastor dos motociclistas é organizar o encontro anual, junto com uma comissão de voluntários motociclistas coordenada por Bernd Lohmann. O encontro deste ano, em Hamburgo, no dia 22 de junho, reuniu 25 mil motociclistas, apesar da chuva. Estavam sendo esperados 35 mil. O culto na igreja de São Miguel lotou o templo até o último lugar e estava sob o tema “Olhos abertos!”, para o trânsito e para a vida. “No meio de nossos passeios de moto, não percamos o céu de vis…

Estou rindo à toa!

Imagem
Há cerca de dois meses eu falava a quem quisesse ouvir: "Vocês vão ver! Não vai acontecer nada durante a Copa. Vai ser tudo redondinho e essa história de que 'Não Vai Ter Copa' é um discurso vazio, que não vai pegar!"
A minha vontade de rir à toa aumenta desmedidamente, quando leio o editorial da RBS de hoje: "Começam a se confirmar as previsões mais otimistas sobre o impacto da Copa na vida dos brasileiros e de estrangeiros que vieram participar da festa...", embarca a subsidiária da Globo no discurso quase inflamado de euforia pela beleza do espetáculo, pela simpatia do povo brasileiro, pelos poucos deslizes até agora ocorridos.
O editorial chama o Brasil de "anfitrião exemplar". Afirma que "obras atrasadas, questionamentos sobre prioridades, EVENTUAIS(!) falhas de planejamento e problemas PONTUAIS(!) de organização são DA NATUREZA DE ACONTECIMENTOS GRANDIOSOS(!)". Me digam (estou me beliscando!), tenho ou não motivo para rir à toa?
O …

As enchentes e "o outro lado do muro"

Imagem
Vista panorâmica da Barragem Norte, em José Boiteux.
"É de conhecimento e de angústia de todos a situação das nossas cidades frente às chuvas. Blumenau, Jaraguá do Sul, Guaramirim, Rodeio, Corupá, Massaranduba, Schroeder, Gaspar... Desespero e incertezas novamente estão presentes, e em tão pouco tempo.
Eu gostaria de colocar nesta triste lista mais um nome e que por inúmeras vezes é ignorado, e que tem papel fundamental para que a tragédia não seja pior em nossas cidades: o outro lado do muro.
A Barragem Norte, localizada no Município de José Boiteux, é uma das comportas que controla o forte fluxo de água que entra no Rio Itajaí-Açu. Para minimizar a quantidade de água que chega em nossas cidades (imaginem se viesse mais água???), o que tem atrás deste muro precisa ficar submerso. E atrás deste muro têm pessoas, que vivem na Terra Indígena Xokleng-Laklãnõ.
Por estar trabalhando no COMIN (entidade que atua com os povos indígenas dentro da Terra Indígena Xokleng-Laklãnõ), recebi li…

Tentando voltar...

Ao abrir o meu blog, levei um susto. Faz um bocado de tempo que não ando postando nada por aqui. Vou me redimir daqui por diante. É que entrementes estive viajando, com um mês de ricas experiências na Alemanha. Nesse tempo, fiquei mais de duas semanas trabalhando intensamente sobre o tema sustentabilidade, ao lado de um precioso grupo de brasileiros e brasileiras, na Frísia do Norte, na Alemanha. Tem muitas experiências para compartilhar. Aguardem.