Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2013

A lenda do tomate venenoso

Imagem

O Papa NÃO mora aqui

Imagem

Mandiba quer descansar

Imagem

A Igreja de retirantes pode ser uma parceira relevante

Imagem
O estádio Mangueirão lotado em Belém, nos 100 anos da AD em 2011.

No dia 18 de junho de 1911 era fundada, no Pará, a igreja Missão de Fé Apostólica. No ano de 1918 essa pequena igreja pentecostal foi rebatizada de Assembleia de Deus. A maior igreja evangélica do Brasil foi fundada pelos missionários suecos Gunnar Vingren e Daniel Berg, que chegaram em Belém no final de 1910, vindos dos Estados Unidos.

Ao longo dos anos, a Assembleia de Deus no Brasil expandiu-se pelo estado do Pará, alcançou o Amazonas e se propagou pelo Nordeste, em especial entre as pessoas mais carentes. A Igreja chegou ao Sudeste no começo da década de 20 por conta das famílias de retirantes do nordeste.

Outros missionários estrangeiros foram enviados para dar suporte a Gunnar Vingren e Daniel Berg no crescimento da Igreja. A partir de 1930, a Assembleia de Deus no Brasil passou a ser administrada exclusivamente pelos pastores residentes no Brasil, sem perder os vínculos com a igreja na Suécia. A partir…

Protestar é ser protestante

Imagem
Então, pessoal, o povo está ouvindo o convite e atendendo: "Vem pra rua que a rua é a maior arquibancada do Brasil!!!". O povo tá indo pra rua, que coisa bonita.

Não pensei que ainda veria isso de novo antes de chegar aos 60 anos! Protestar é coisa de protestante. Nós não protestamos mais. Agora estamos na lista dos "evangélicos"...

Será que isso é bom? Era melhor quando éramos protestantes. Afinal, protestar deveria estar no nosso DNA!

Luis Carlos Azenha e a tortura no regime militar

Imagem
Nesta quarta-feira, os depoimentos emocionados de Ernestinho (de pijama de florzinha, na foto acima) o mais jovem brasileiro a ser considerado terrorista, do pai e da mãe dele. No Jornal da Record, a partir das 20h30m.

Ontem à noite, mais uma vez, a emoção tomou conta de mim. As reportagens da Record sobre torturas, produzidas pelo competentíssimo Luis Carlos Azenha, são desconcertantes. Se você ainda não viu nenhuma, precisa ver aqui. Tem que assistir. Hoje à noite tem mais, no Jornal da Record.

Trata-se do mais completo material jornalístico já produzido sobre a tortura no Brasil durante o regime militar. Os depoimentos são de filhos que, ainda muito pequenos, viram e ouviram seus pais sendo torturados. Pior, as próprias crianças foram torturadas com o único propósito de arrancar confissões dos pais. Coisa de campo de concentração nazista...

As pessoas que, desestruturadas ainda por conta da emoção que as domina quando falam de sua dolorosa experiência, contam o que viveram na pr…

O Galo Verde, responsabilidade das Igrejas

Imagem