Postagens

Mostrando postagens de 2011

Uma pausa para novos ares

Imagem
Este foi um ano muito enriquecedor. Não só pude expressar livremente a minha opinião, como aprendi muitas coisas com cada post que deixei neste espaço. O mais gratificante, entretanto, foi ver o número de leitores e leitoras crescer, poder interagir com as pessoas que leem os posts deste blog e aprender desta relação maravilhosa. Foram mais de 320 posts ao longo de 2011 e muita coisa bonita aconteceu por causa dessa troca.

Agradeço a cada um e a cada uma de vocês por este escambo de ideias, reflexões, protestos, indignações e defesas apaixonadas de tudo aquilo que acreditamos e defendemos neste espaço. Vamos dar alguns dias de tempo, até porque é bom ficar um pouco longe do teclado, da internet, desse mundo da rotina comunicacional em que tanto gosto de me envolver. Vai fazer bem e renovar ares, forças, lutas. Em poucos dias estarei aqui de novo. Enquanto esperam e reviram os arquivos que deixei, desejo-lhe um ano de 2012 repleto de boas experiências. Paz e bem a todos/as!
Clovis H. …

The day after

Imagem
É incontornável. O dia 25 de dezembro chega com um estranho gosto de dia seguinte. Passou a correria, terminaram os preparativos, esgotaram-se os bons desejos e se foram todos os abraços. Todos os presentes foram dados. Uma montanha de lixo acumula-se em todos os cantos da casa e em meu coração. Restos da ceia entopem a geladeira e as minhas coronárias. Pets, longnacks e latinhas amassadas transferiram o torpor de seus interiores para o meu cérebro.

Desejos não realizados também jazem nos abscônditos recantos de minha alma e nada mais parece preencher os espaços em aberto. Um torpor me invade. Uma estranha sensação de que o mais importante, como das outras vezes, ficou por ser dito, sentido, experimentado, vivenciado, repassado...

Eu tenho tudo e não necessito de coisa alguma. Entretanto, sinto-me como numa corrida maluca. Uma busca, que começou não sei quando nem porque, mas que jamais termina. Ela envolve-me com sua avassaladora onda e me arrasta consigo, implacável. A busca que j…

Martin Niemöller

Imagem
Hoje faz 71 anos que a revista americana “Time”, no dia 23 de Dezembro de 1940, colocou na capa o pastor luterano Martin Niemöller (1892-1984), um dos fundadores da Igreja Confessante, que se opôs ao nazismo, ao lado de outros pastores luteranos, como Dietrich Bonhoeffer.

Niemöller foi preso pela primeira vez em 1935. Portavoz da resistência protestante, ele foi libertado passados uns meses, mas voltou para a prisão até ao final da guerra. A sua ficha na Gestapo o classificava como “inimigo pessoal do Führer”.

No período pós-guerra, foi presidente da Igreja Territorial de Hessen e Nassau e um dos importantes interlocutores do processo de paz e da reconstrução da consciência alemã. É dele o seguinte texto (por vezes atribuído a Bertolt Brecht):

“Quando os nazistas levaram os comunistas, eu calei-me, porque, afinal, eu não era comunista. Quando prenderam os social-democratas, eu calei-me, porque, afinal, eu não era social-democrata. Quando levaram os sindicalistas, eu não protestei, po…

História digital da Natividade

Esse vídeo é uma peça genial, que mostra como correriam as notícias inéditas do nascimento de Jesus Cristo na era das redes sociais. É uma forma diferente e criativa de contar a história do Natal. Esta peça foi montada para um culto no Facebook, uma nova forma de celebração que está em voga entre jovens Cristãos europeus. Eles realizam culto sem irem à igreja, sob a coordenação de lideranças do trabalho entre jovens. O que fica da idéia deste trabalho é a certeza de que a história do Natal nunca envelhece. Por mais que sejamos atropelados pela modernidade, ela se adapta, sempre.

Um pouco do próprio veneno

Imagem
O primeiro ano do governo de Dilma Rousseff está chegando ao fim e foi um período difícil, com a oposição tendo como único plano de ação desmoralizar o governo. Denúncias e mais denúncias, com pouquíssimas provas do que se levantou até agora, tudo com o claríssimo objetivo de empurrar o governo para o cadafalso.

Agora experimentam um pouco do próprio veneno. O livro do jornalista Amaury Ribeiro Jr., com o título "A Privataria Tucana", coloca o dedo no centro da ferida aberta dos oito anos de privatizações do governo FHC. O livro teve a primeira edição de 15 mil exemplares esgotada no dia do seu lanbçamento. Até agora já vendeu mais de 70 mil exemplares.

Assim que entrou em circulação, a internet das redes sociais entupiram de comentários e caixas-postais eletrônicas lotaram. O que incomodou muita gente, e com razão, foi a posição silente dos denominados veículos tradicionais de mídia a respeito do livro, do seu conteúdo e dos documentos anexados.

Em todos os "casos&…

Educação sem violência

Imagem
O congresso aprovou ontem a lei que torna ilegais castigos físicos para a educação das crianças. A nova lei foi encaminhada pela Presidência da República no dia 14 de junho do ano passado para discussão no Congresso. Uma mensagem do presidente Luiz Inácio Lula da Silva apresentou ao Congresso o Projeto de Lei (PL) que agora foi aprovado.

A idéia original teve por trás a “Rede Não Bata, Eduque”, com o objetivo de suprir lacunas existentes no Estatuto da Criança e do Adolescente e criar mecanismos que garantam a integridade física e psicológica das pessoas com menos de 18 anos.

De acordo com a nova lei, a definição de “castigo” passa a ser incluída no artigo 18 do Estatuto como “ação de natureza disciplinar ou punitiva com o uso da força física que resulte em dor ou lesão à criança ou adolescente”. Aqueles que infringirem a lei podem receber penalidades como advertência, encaminhamento a programas de proteção à família e orientação psicológica.

A “Lei da Palmada” busca a reversão de…

Origem do termo “América Latina”

Imagem
Memorial da América Latina, em São Paulo, com a mão criada por Oscar Niemeyer

O professor Carlos Walter Porto Gonçalves é especialista em América Latina, defensor das lutas indígenas e camponesas e ex-assessor de Chico Mendes, o líder sindical e ambientalista assassinado em 1988. No texto abaixo, ele nos dá uma aula de história sobre a origem do conceito “América Latina”. Sua palavras foram retiradas de uma entrevista ao jornal “Brasil de Fato”:

O termo “América Latina” foi usado pela primeira vez por um poeta colombiano, José María Caicedo, num poema chamado “As duas Américas”, em 1854. Ele usou essa expressão com clara posição de tensão em relação à América anglo-saxônica. Ele estava muito impactado pelo que havia acontecido, numa data que todos nós deveríamos ter sempre em mente: 1845- 1848, que é o período da guerra dos EUA contra o México. Quando os EUA fizeram a independência eram apenas as 13 colônias situadas a leste. Todas as terras do Texas até a Califórnia – com todos aquel…

Os elementos do Advento

Imagem
The Four Elements, arte de Cris Vector

O tempo de advento é o tempo de preparação para celebrar e afirmar que Deus, em seu amor, decidiu tornar-se alguém de nós, e preencher a vida, nossa vida, de esperança e de sentido. Ele nos presenteou a vida, e nos colocou para viver neste mundo onde os elementos fundamentais são a terra, o ar, a água e o fogo. Estes elementos nos ajudam a recordar que somos obra de suas mãos. O autor da vida é o Deus Criador. Portanto, é necessário reconhecer que somos frutos de seu grande amor.

Uma idéia interessante é usar a coroa de advento e as suas quatro velas como forma de apontar para estes elementos fundamentais da natureza como forma de recordar que Deus nos dá a vida, a vida abundante, a vida que não se perde.

A primeira vela é a terra. Fomos formados do pó da terra. Deus é nosso oleiro e nos moldou a cada um/a, com a sua característica, os seus dons, o seu modo particular de reagir aos eventos da vida. Cada um/a de nós é único/a, distinto/a, especial;…

Natal é só consumo?

O arcebispo católico de Bamberg, Alemanha, Dom Ludwig Schick, dirigiu petição à cadeia de lojas de eletrodomésticos “Media Markt” para retirar do ar sua polêmica campanha publicitária, “O Natal é decidido embaixo da árvore”. O slogan é considerado inaceitável para cristãos e outros segmentos da sociedade. O decisivo do Natal não se resume à árvore ou aos presentes, “mas o nascimento de Cristo”, explica o arcebispo. “Por meio desta campanha publicitária, a mensagem do Natal é levada ao absurdo”, diz Schick.



O arcebispo elogiou expressamente a campanha que rola no Facebook, com o título “O Natal é decidido na manjedoura”, que se opõe ao natal comercial e já conta com mais de 15 mil apoiadores. Segundo a rede de lojas, entretanto, a sua campanha não se refere a símbolos religiosos e não tem a intenção de reduzir a festa cristã a um acontecimento que se adapta ao gosto de cada um.



Segundo o prelado católico de Munique, Wolfgang Bischof, entretanto, a campanha reduz a festa a um evento me…

Um coral luterano na Coreia

Um presente para você. Este vídeo mostra o esmero de um coral coreano executando o hino de Lutero, “Castelo Forte”.

Os riscos do novo Código Florestal

Imagem

Os Muppets são de esquerda

Imagem
Aí, Caco, o que tem a dizer sobre isso? Os Muppets estão sendo acusados de fazer campanha subliminar contra o capitalismo. Logo os Muppets. Eu adorava os Muppets, nos bons tempos da TV. Agora, adoro mais ainda. A gigante de mídia News Corporation, do magnata norte-americano Rupert Murdoch, especialmente o braço forte da News, a ultraconservadora Fox, levantou a acusação.

O alvo é o filme dos Muppets que está também nos nossos cinemas do Vale do Itajaí por estes dias. A acusação foi ao ar no programa “Follow the Money” (Siga o Dinheiro), aliás, um excelente nome para quem defende o Capitalismo com unhas e dentes.

O centro da polêmica é o personagem Tex Richman, o vilão do filme. Os apresentadores da Fox não entenderam porque o vilão deve ser um magnata do ramo do petróleo. No filme, Richman quer tomar o cinema dos Muppets sem indenização porque no terreno há um poço de petróleo. Isso, segundo a Fox Business, é lavagem cerebral nas crianças.

A acusação, na verdade, é antiga, e atinge …

Durban quer o veto de Dilma

Imagem
Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

O Senado brasileiro aprovou nesta terça-feira (06/12) uma nova versão do código florestal, que segue agora para apreciação da Câmara dos Deputados. O projeto de lei provocou fortes críticas na Conferência do Clima das Nações Unidas em Durban, na África do Sul.

“O projeto anistia desmatadores, reduz a proteção e ampliará no futuro o desmatamento. E cria uma expectativa de que vale a pena pressionar o governo para mudar a legislação”, criticou Marina Silva em Durban. Ela se uniu ao coro de vozes críticas que se manifestaram contra o projeto de lei.

Os ambientalistas afirmam que, caso o projeto do Código Florestal entre em vigor, o Brasil não teria como cumprir suas metas de redução das emissões de gases do efeito estufa. “O novo código florestal vai viabilizar uma área de desmatamento em torno de 22 milhões de hectares. Com certeza isso terá um impacto muito grande nos compromissos assumidos pelo Brasil em 2009 em Copenhague”, afirmou Thais Megid, do Gr…

Um chiste

Imagem
Eis uma postura sóbria diante das coisas da vida. O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, riu do anúncio da Benetton em que, numa montagem, ele aparece "beijando" seu rival ideológico Barack Obama, presidente dos EUA, e disse que se trata de uma "boa piada". Se você não acredita, veja você mesmo, no vídeo postado aqui. Sem dúvida, Roma tem alguma coisa a aprender com Chávez...

Juventude sem rumo

Imagem
No ano que vem vamos trabalhar a importante temática da juventude como tema do ano da IECLB. A seguir, acrescento mais algumas informações para serem colocadas no baú de dados sobre o tema. As duas postagens que já coloquei neste espaço em poucos dias dão conta de que a situação é preocupante. Há muito que fazer, portanto. Se quisermos, será um bom debate. Mais, será impulso para modificar o quadro e colocar em prática ações que ajudem os nossos jovens. Segue texto publicado pela ALC no dia de ontem.

Na América Latina, 17% dos jovens não estudam nem trabalham, índice que se eleva para 27% na América Central. Os dados são do Latinobarômetro, que ouviu 20,2 mil latinos e caribenhos, em 18 países.

Enquanto no Uruguai e na Bolívia o percentual de jovens sem trabalho e estudo é de 12%, em Honduras chega a 33% e a 34% na República Dominicana. No Brasil, são 18% nessas condições, segundo a ONG chilena.

Mais mulheres (54%) do que homens (46%) não trabalham nem estudam. Também são jovens das…

A fonte de água

Imagem
Todo mundo tem saudade de uma fonte, ainda que nunca tenha visto uma. É que na alma ficam guardadas as coisas que a gente amou e se foram. Elas se foram, mas não morreram. O amor não deixa que elas morram. Ficam lá na alma da gente, esquecidas, adormecidas... Mas, de repente, a gente se lembra! E quando a gente se lembra, vem a saudade...

Onde estão as fontes? Você talvez nunca viu uma, mas eu garanto que, em algum lugar da sua alma, e na alma de todo mundo, há uma fonte de água cristalina. E a gente gostaria de beber da sua água, com as mãos em concha... O Pequeno Príncipe vivia num asteróide. Caiu, por acidente, aqui na terra e foi andando, encontrando-se com homens, conhecendo costumes, com olhos de criança. Tudo lhe parecia espantoso!

Pois ele se encontrou com um homem que lhe tentou vender pílulas de matar a sede. “Para que servem as pílulas de matar a sede?”, perguntou o principezinho. O vendedor se espantou. Como era possível alguém tão ignorante, que não percebesse os benefíc…

Hostilizada por causa do cabelo

Imagem
A estagiária Ester Elisa da Silva Cesário acusa seus patrões de perseguição e racismo. Conforme Boletim de Ocorrência registrado no dia 24 de novembro, na Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (Decradi) de São Paulo, ela teria sido forçada a alisar o cabelo para manter a “boa aparência”. A diretora do Colégio Internacional Anhembi Morumbi ainda teria prometido comprar camisas mais cumpridas para que a funcionária escondesse os quadris.

Ester conta que foi contratada no dia 1º de novembro de 2011, para atuar no setor de marketing e monitorar visitas de pais interessados em matricular seus filhos no colégio, localizado no bairro do Brooklin, na cidade de São Paulo. A estagiária afirma ter sido convocada para uma conversa na sala da diretora, identificada como professora Dea de Oliveira. Nos dias anteriores, sempre alguém mandava recado para que prendesse o cabelo e evitasse circular pelos corredores.

“Ela disse: ‘como você pode representar o colégio com esse cabelo cres…

O meu Menino Jesus

Imagem
Poema de Fernando Pessoa

Ele mora comigo na minha casa a meio do outeiro.
Ele é a Eterna criança, o Deus que faltava.
Ele é o humano que é natural,
ele é o divino que sorri e que brinca.
E por isso é que eu sei com toda a certeza
que ele é o Menino Jesus verdadeiro.

E a criança tão humana que é divina
é esta minha quotidiana vida de poeta,
e é porque ele anda sempre comigo que eu sou poeta sempre,
e que o meu mínimo olhar enche-me de sensação,
e o mais pequeno som, seja do que for, parece falar comigo.

A Criança Nova que habita onde vivo
dá-me uma mão a mim e a outra a tudo que existe,
e assim vamos os três pelo caminho que houver,
saltando e cantando e rindo e gozando o nosso segredo comum
que é o de saber por toda a parte que não há mistério no mundo
e que tudo vale a pena.

A Criança Eterna acompanha-me sempre.
A direção do meu olhar é o seu dedo apontado.
O meu ouvido atento alegremente a todos os sons.
São as cócegas que ele me faz, brincando, nas orelhas.

Damo-nos tão bem um com …

Kátia Abreu revela tudo

Imagem
A nota abaixo, de Ilimar Franco, foi publicada no jornal O Globo de hoje. Os ruralistas estão usando as necessidades dos pequenos agricultores para aprovar tudo que quiserem em relação ao novo Código Florestal. Veja o texto você mesmo e, depois, assine a petição do Greenpeace para que a presidenta Dilma vete o Código, aqui.

"Os deputados ruralistas Paulo Piau (PMDB-MG), cotado para relatar o Código Florestal na Câmara, e Abelardo Lupion (DEM-PR) conversavam, quando chegou a senadora Kátia Abreu (DEM-TO), presidente da Confederação Nacional da Agricultura. Entusiasmada, disse: 'Conseguimos tudo o que a gente queria. Dilmão concordou com tudo.' E, empolgada, acrescentou: 'Um dos nossos (ruralistas) tem que ser o relator lá (na segunda votação na Câmara). O Aldo Rebelo (relator na primeira votação na Câmara) é socialista. O Jorge Viana (relator no Senado) é um verdinho. O Luiz Henrique (relator na CCJ do Senado) não é mais nosso. A relatoria agora é nosso direito'. …

O jovem na berlinda

Imagem
A igreja luterana (IECLB) fez uma excelente escolha temática para 2012. Coloca na mesa um assunto urgente no Brasil, a juventude. A formulação ficou muito ampla – Comunidade Jovem, Igreja Viva –, mas a esperança é de que as questões prementes que envolvem as gerações mais jovens da igreja e da sociedade sejam realmente consideradas. Para muito além do âmbito eclesial, o assunto vem à tona neste final de ano em especial por causa de um relatório dramático sobre a juventude brasileira. O relatório foi produzido pela Unicef, e foi divulgado no último dia de novembro.

Segundo o Fundo das Nações Unidas para a Infância, o adolescente brasileiro está mais pobre e permanece exposto a casos de violência em nível preocupante. Dos 21 milhões de adolescentes brasileiros de 12 a 17 anos, 38% – cerca de 7,9 milhões – vivem em situação de pobreza, em famílias com renda inferior a meio salário mínimo per capita por mês (R$ 272,5). Outros 3,7 milhões de adolescentes (17,6% da população adolescente) …

Dia D adiado

o senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) conseguiu, sozinho, adiar a aprovação da proposta, ao impedir a votação do requerimento de urgência para a apreciação do Código Florestal em plenário, previsto para o dia de hoje (leia atentamente o texto abaixo). A votação poderá ser adiada para a próxima quinta-feira ou somente na semana que vem. Isso dá mais tempo para que a sociedade se articule e tente evitar que este "retrocesso na legislação ambiental brasileira" (Randolfe) seja aprovado. Também dá mais tempo à Direção da IECLB para, se quiser, possa produzir um texto de apoio aos movimentos sociais que defendem nossas florestas e de repúdio ao código.

O Dia D do Código Florestal

Imagem
Ato em Defesa das Florestas - Foto: Antonio Cruz/ABr

O Ato em Defesa das Florestas e do Desenvolvimento Sustentável, que ocorreu ontem em frente ao Palácio do Planalto em Brasília, é a tentativa derradeira de colocar algum juízo ambiental na cabeça dos nossos governantes. O novo Código Florestal, que é uma colcha de retalhos que procurou agradar a todos os interesses e já não defende mais os nossos biomas, deverá ir à votação no plenário do Senado Federal nesta quarta-feira (30).

O objetivo principal do ato foi de alertar a presidenta Dilma e tentar levá-la ao veto presidencial. O movimento que promoveu o ato tem um milhão e 500 mil assinaturas contra as alterações feitas no texto da PL 30/2010 e que a transformaram num Frankenstein, num arremedo de código, que abre caminho para continuar derrubando as nossas florestas em nome do progresso. Essas assinaturas foram colhidas nos últimos quatro meses.

O Ato em Defesa das Florestas reuniu movimentos sociais, estudantes, artistas, formado…

Papai Noel está morto

Imagem
Noel acaba de ser encontrado sem vida, com um fio de Nylon em volta do pescoço, pendurado num galho de pinheiro. A polícia está investigando o caso, mas as evidências apontam para suicídio.

O símbolo máximo do Natal já vinha dando sinais de estresse e depressão há anos. Ele não se conformava com o papel que lhe haviam reservado, apesar de ter insistido sem descanso em apontar para os anjos, a manjedoura, José e Maria, o menino na palha e os pastores no campo. Ele não queria ser o principal motivo. Sempre havia sido um coadjuvante. Por que insistiam em colocá-lo no centro de tudo?

Todo aquele consumismo também o incomodava profundamente. O calor infernal, apesar do ar condicionado do shopping ligado no máximo, aquela roupa vermelha insana de inverno em pleno verão, aquela barba importuna e mal-colada...

Ele não suportava mais aquelas enormes filas diante de si, em que pequenos ditadores –que ele tinha que tratar como criancinhas – disputavam espaço a tapa para puxar a sua barba e tes…

Advento é um tempo de espera

Imagem
Passamos metade da nossa vida esperando. Crianças esperam crescer, ir para a escola, virar grande que nem o pai... Adolescentes esperam que o tempo passe bem rápido, para que os adultos deixem de ter o comando sobre suas vidas, que querem desesperadamente tomar nas próprias mãos. Quando adultos, esperamos pela pessoa que iremos amar por toda a vida, por um emprego melhor, por melhores condições de vida, pela compra do primeiro carro, pela quitação da casa própria, pela troca do carro por um modelo novo...

Quem viaja, espera na rodoviária, no aeroporto ou no cais do porto. Quem está apaixonado, espera pela pessoa amada, o tempo que for necessário, com toda a paciência. O paciente na sala-de-espera, que já tem este nome justamente porque é o lugar em que se espera, mesmo se contorcendo de dor, pela chegada do atendimento médico. A criança espera na fila do brinquedo do parque até que chegue a sua vez. A aluna espera pela prova corrigida com uma ansiedade incomparável, para saber a not…

Reuniões que não melhoram o clima

Imagem
A Convenção Marco das Nações Unidas sobre Câmbio Climático, cujas reuniões oficiais acontecerão de 28 de novembro a 9 de dezembro em Durban, na África do Sul, reacende uma preocupação central acerca do futuro do Protocolo de Kyoto. Os países mais ricos já disseram que é impossível chegar a um acordo sobre o mesmo.

Um claro sinal de que em Durban também não vai haver acordo sobre um novo compromisso vinculante para a redução de emissões de gases de efeito estufa foi dado no Fórum das Grandes Economias, que reúne 17 dos maiores emissores do mundo e outros países chave, e que terminou no dia 18 de novembro em Virginia, Estados Unidos. Ali os países mais ricos reconheceram que não será possível alcançar um novo acordo climático global antes do 2016. E caso se consiga nesta data, não poderia entrar em vigor antes de 2020.

Os EUA e os países ricos insistem em "reduções voluntárias”, o que quer dizer não assumir compromissos, especialmente de ser os maiores responsáveis pelo câmbio cli…

O gênio irrequieto do rock

Imagem
Em 24 de novembro de 1991 morria de forma trágica, quase desaparecendo no fundo de uma cama, o mais polêmico, carismático e atentado cantor de rock de todos os tempos. Nascido em Zanzibar, numa família persa, no dia 5 de setembro de 1946, com o nome de Farroch Bulsara, pouca gente sabe dessa origem. Mas o planeta inteiro ainda hoje sabe associar essa figura ao nome artístico que adotou: Freddie Mercury. Junto com o baterista Roger Taylor e o guitarrista e hoje astrofísico Brian May, ele fundou o Queen, ao qual se integraria um ano mais tarde o baixista John Deacon.


O sucesso do grupo foi meteórico e, por 20 anos, dominou o cenário roqueiro mundial com sua genialidade. Freddie e seu Queen são os criadores da ópera rock, na qual os instrumentos eletrônicos recriavam arranjos antes somente vistos nas grandes óperas, com a genialidade absoluta dos arranjos e a voz única e até hoje jamais substituída ou sequer imitada do vocalista e arranjador principal do Queen: o próprio Freddie Mercur…

O lado moleque da humanidade

Imagem
A mancha de óleo na Bacia de Campos, que vazou do Campo do Frade

O petróleo é mesmo uma merda! Essa história muito mal-contada e, sobretudo, mal-resolvida do vazamento no Campo do Frade, envolvendo a Xevron, é só mais um capítulo da sórdida novela porca do óleo negro que emporcalha o planeta há mais de um século. No último milésimo de segundo da história deste planeta de 4 bilhões e 500 milhões de anos, a maior praga que jamais passou pela Terra e que somos nós conseguiu deixar pegadas que se fixam no DNA do planeta.

Além da inacreditável sequência de mentiras e de descaso da imprensa em torno do desastre que afeta toda a vida no nosso mar territorial, ainda noticiaram com um alarde de quem diz “está tudo resolvido”: “O tamanho da mancha de óleo reduziu para dois quilômetros!”

Sabe, isso tudo me lembra os moleques. Aqueles que vão chegando na sua casa e entrando nos quartos, abrindo as portas dos armários, as gavetas, as caixas, tudo. Normalmente, movidos por sua insaciável e incontro…

Imitamos até os problemas deles

Imagem
No dia 9 de agosto de 1968, a revista americana “Life” saiu com esta foto na capa. Ela não representa uma orgulhosa companhia aérea americana apresentando toda a sua frota. Ao contrário, mostra um gigantesco congestionamento no aeroporto La Guardia, em Nova York.

A foto foi tirada numa das muitas “Sextas-feiras Negras” da aviação norte-americana na época, que enfrentava a situação caótica de inúmeros vôos atrasados, e foi descrita pela revista numa ampla reportagem de capa naquela edição. O caos reinava não só naquele aeroporto nova-iorquino, mas em todo o espaço aéreo dos EUA e era fruto direto do crescimento daquele país.

É engraçado como o mundo dá voltas. A popularização dos vôos e a ascensão social das classes C e D causaram exatamente o mesmo fenômeno nos EUA, há 45 anos, que está causando no Brasil de hoje. Eis que, num ritmo inédito de crescimento, o Brasil embarca num caos parecido em pleno século 21. Será mera coincidência ou simples conseqüência do crescimento desordenado…

Morre Danielle Mitterrand

Imagem
A viúva do ex-presidente francês François Mitterrand, morreu nesta madrugada aos 87 anos no hospital Georges-Pompidou, em Paris, onde estava internada desde a última sexta-feira em coma induzido. A mulher, uma das referências internacionais da esquerda e da luta pelos direitos humanos, durante a presidência de seu marido sempre foi uma primeira dama atípica, que não gostava do protocolo e mostrava publicamente seu apoio aos movimentos socialistas da Nicarágua, de Cuba, da Bolívia e do Curdistão.

Já como jovem, aos 17 anos, Danielle juntou-se à resistencia francesa contra a ocupação nazista e foi dessa forma que conheceu aquele que posteriormente seria seu marido, François, que se escondeu da Gestapo na casa de seus pais. O casal casou-se em 1944 e teve três filhos, um dos quais morreu ainda pequeno.

Sempre fiel a seus ideais de esquerda através da fundação France-Libertés, que criou em 1986, participou ativamente em diversos projetos ao redor do mundo. “Minha condição de esposa do pr…

Moby Dick existiu de verdade

Imagem
No dia 20 de novembro de 1820, a cerca de 3.700 quilômetros da costa do Chile, um cachalote anormalmente grande destruiu o navio baleeiro Essex (de Massachusetts, EUA). O jovem Thomas Nickerson, de apenas 14 anos, estava a bordo do “Essex” e escreveu um relato sobre o ataque, incluindo este desenho, contando também sobre os três meses de sobrevivência em alto mar que se seguiram à destruição do navio.

Este é o episódio real que inspirou o romance “Moby Dick”, publicado em 1851 por Herman Melville. A obra de Melville tornou-se um dos maiores clássicos da literatura mundial; uma verdadeira obra prima. “Moby Dick” é uma extraordinária metáfora da condição humana. Na longa viagem do navio “Pequod”, a tripulação está interessada em enriquecer rapidamente, enquanto o capitão Ahab está obcecado em capturar o “monstro”. No centro de tudo está o absurdo das ambições humanas.

Reação intempestiva do Vaticano

Imagem
Eis a reação que já era esperada pelos marqueteiros da Benetton. Com a atitude intempestiva de Roma, fica mais uma mancha desnecessária na já combalida fama de uma instituição que teima em não atualizar a mensagem viva do Evangelho, tornando-o refém de uma tradição que visa preservar poder (que já não existe extra-muros do Vaticano). Pena. Podiam ter levado esta história para o lado positivo, granjeando maior respeito e admiração. Imagino que uma boa reação teria sido agradecer pela sugestão do "ósculo santo", que até a Bíblia defende como um bom caminho para a conciliação e a paz. Preferiram ver uma agressão que não existe em imagens extremamente sugestivas. Todos os outros "atingidos" pela campanha preferiram silenciar. Talvez porque perceberam que a ideia dos marqueteiros da Benetton não é ruim... Veja o texto do jornalista Antônio Carlos Ribeiro sobre isso, abaixo.

"A decisão imediata da Santa Sé de processar a Benetton por causa da foto do papa beijando …

Acessibilidade garantida

Imagem
Para a IECLB, igreja pioneira na luta pela inclusão e que tem dado um belo exemplo, o dia 17 de novembro deve ser registrado como histórico. A presidenta Dilma Rousseff assinou o Plano Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência-PD, chamado de “Viver sem Limite”. Com o objetivo de promover inclusão social das PD, o governo pretende investir 7,6 bilhões em prevenção, profissio¬nali¬za¬ção e autonomia para essa gente, vítima histórica de exclusão e preconceito.

Romário, criticado quando era jogador e agora como deputado federal, tem surpreendido na luta pela causa das PD. Ele tem uma filha com Síndrome de Down, com o lindo nome de Ivy, e participou da cerimônia de lançamento do Plano inédito do Governo Federal, para cuja implantação ele também contribuiu.

Eliminar barreiras e permitir o acesso a bens e serviços disponíveis a toda a população são os principais objetivos. Com metas a serem cumpridas até 2014, as ações serão executadas em conjunto por 15 órgãos do Governo Federal, sob…

Na hora do jogo, pode dizer qualquer coisa sem consequências?

Imagem
Suárez foi acusado formalmente de ofender Evra com declarações racistas.
Foto: AgNews/AP

Não é de hoje que o futebol inglês tem sido palco de manifestações racistas. Os petardos vêm da torcida dos times, mas também afloram em campo, em meio ao calor e à excitação dos jogos. O zagueiro John Terry e o atacante Luis Suarez são dois jogadores envolvidos em acusações formais desse tipo de comportamento.

Para o presidente da FIFA, Joseph Blatter, entretanto, esse tipo de acusação é conversa. Ele não acredita que os atletas acusados tenham de fato ofendido seus adversários dessa maneira. Por conta de suas declarações, os jogadores negros fizeram duras críticas ao cartola-mor do futebol mundial. Ele disse que resolveria esses casos com um simples aperto de mão entre os atletas.

Ontem (16 de novembro) o atacante uruguaio Suárez foi acusado formalmente pela Federação Inglesa de Futebol por ter dirigido xingamentos de conteúdo racista ao lateral esquerdo do Manchester United, Patrice Evra. O ca…

Beijos contra o ódio

Imagem
A nova campanha “United Colors of Benetton” com o mote “UNHATE” (não ódio), foi apresentada oficialmente no início da tarde desta quarta-feira por Alessandro Benetton, vice-presidente do Benetton Group, em Paris.


A campanha mostra personalidades da política internacional, que tradicionalmente estão em papéis antagônicos, se beijando na boca. A foto do Papa beijando na boca um imã no Cairo causou revolta entre os fieis das duas maiores religiões do planeta. Em vista da hostilidade dos fieis, a campanha foi retirada do ar em seguida.


“Lembramos que o sentido desta campanha é exclusivamente combater a cultura do ódio sob todas as formas”, comentou em comunicado um porta-voz da Benetton sobre as fotomontagens. Elas mostram beijos calorosos, além da contestada foto com os dois líderes religiosos, entre Nicolas Sarkozy e Angela Merkel, Mahmud Abbas e Benjamin Netanyahu, Barack Obama e o presidente chinês Hu Jintao, o mesmo Obama e Hugo Chávez, e os presidentes das duas Coréias.

No bolso não!

Imagem
É engraçado este mundo em que vivemos, que é movido pelo capital. Pode-se mexer em todos os valores, menos naquele que faz mover a economia. Pode-se por a mão em tudo, menos no bolso.

Veja a era Berlusconi, por exemplo. Silvio mexeu em tudo, derrubou todos os preceitos de honradez e respeito. A sua governança foi uma sucessão de escândalos que poucas vezes se assistiu na Itália. Até de fascista ele brincou, e nada lhe aconteceu. Abuso de menores, safadezas de toda ordem e uma cara de pau que por aqui só se viu estampada no Maluf em termos de transformar a coisa pública numa trincheira particular... Nada mexeu nele. O crime que todos cobraram dele, inclusive seus pares de partido, foi a incapacidade de resolver a crise de grana da Itália. Se Silvio tivesse resolvido isso, continuaria firme e forte no seu amado posto de primeiro ministro.

Infelizmente, Berlusconi é apenas uma metáfora para o mundo inteiro. Tudo é permitido, desde que o bolso não seja afetado.

Pinheiro ameaçado

Uma questão ambiental séria, que nos atinge diretamente aqui, na região Sul do Brasil. A narração deste documentário foi feita por Gian Francisco Guarnieri, seu ultimo trabalho em vida. As imagens são do documentarista Haroldo Palo Junior. Concepção, criação e montagem de Eloi Zanetti.

Por uma nova mentalidade

Imagem
O misto de festival de rock e acampamento de jovens que está ocorrendo de ontem a amanhã em Paulínia (SP) tem mais em mente do que só curtir música. Quer envolver os jovens no debate e na postura mais sustentável em relação ao planeta que habitamos. Muitos convidados especiais, além de cantar, estão se manifestando. Martina Silva e diversos outros ambientalistas, bem como gente famosa, como a atriz Daryl Hannah. O embalo da música é o combustível do Fórum Global de Sustentabilidade, que acontece dentro do Festival SWU.

Daryl Hannah, atriz famosa de Hollywood e ativista ambiental radical, que mora numa fazenda em que colhe seu próprio sustento e sem usar nenhum tipo de veneno, participou do SWU com excelentes pitacos para o debate do tema “Desenvolvendo novas possibilidades: iniciativas transformadoras”.

Outras presenças que falam a voz ambiental foram Manoel Cunha, do Conselho Nacional dos Seringueiros, Virgílio Viana, da Fundação Amazônia Sustentável, Cristian Del Campo, da fundaç…

Borboletas de Zagorsk

(Grã-Bretanha, 1992, 60 min - Produção: Michael Dean)

Borboletas de Zagorsk é um documentário produzido pela BBC em 1992 que trata do trabalho desenvolvido em uma escola russa com crianças surdas e cegas inspirado nos estudos de Lev Vygotsky. A obra tem 60 minutos de duração e se passa na cidade de Zagorsk, a 80 km de Moscou. (Fonte: wikipédia)

Os estudos sobre a defectologia, presentes na teoria de Vygotski enfatizam que as pessoas com deficiência, através de mecanismos compensatórios, passam a utilizar seus sentidos normais para substituir seus sentidos perdidos.

Neste sentido, o documentário reforça a importância da mediação e a crença de que todas as pessoas, independente da idade e da condição física ou intelectual, são capazes de aprender. Concepção esta também retratada na teoria da Modificabilidade Cognitiva Estrutural do educador Romeno Reuven Feuerstein. Com a conhecida frase: "Não me aceite como eu sou", Feuerstein desafia o educador a planejar e propor ações que …

A mais terrível das noites

Imagem
A “Noite dos Cristais” (Kristallnacht), na passagem de 9 para 10 de novembro de 1938, deu início à terrível história do holocausto que exterminou seis milhões de judeus na Alemanha e em toda a Europa. Até o final da guerra, em 1945, representou uma das mais sádicas e inacreditáveis histórias de xenofobia e ódio racial que a realidade foi capaz de procuzir e nenhum escritor até então, por mais imaginativo que fosse, foi capaz de antecipar. Durante a Noite dos Cristais, multidões inteiras saíram às ruas para quebrar e incendiar tudo o que lembrasse a existência dos judeus: sinagogas, comércios, indústrias, bancos e casas particulares. Tudo foi destruído pelo fogo e os quebra-quebras, alimentados pelo combustível explosivo do ódio. Foi o maior pogrom de que se tem notícia, essa prática que já vem da idade média, em que se fazia arrastões para expulsar judeus ou outros indesejados.


Logo em seguida a esta terrível noite, estarrecidos e sem nenhuma proteção, sem qualquer protesto ou mesmo …