Dia D adiado

o senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) conseguiu, sozinho, adiar a aprovação da proposta, ao impedir a votação do requerimento de urgência para a apreciação do Código Florestal em plenário, previsto para o dia de hoje (leia atentamente o texto abaixo). A votação poderá ser adiada para a próxima quinta-feira ou somente na semana que vem. Isso dá mais tempo para que a sociedade se articule e tente evitar que este "retrocesso na legislação ambiental brasileira" (Randolfe) seja aprovado. Também dá mais tempo à Direção da IECLB para, se quiser, possa produzir um texto de apoio aos movimentos sociais que defendem nossas florestas e de repúdio ao código.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O ócio e o negócio

O boato do filme Corpus Christi

Origem do termo “América Latina”