Pregado ao chão pelo escroto



Em protesto drástico contra as crescentes limitações aos direitos dos cidadãos na Rússia, o artista performático Pjotr Pawlenski  prendeu-se ao calçamento da Praça Vermelha, em Moscou, no último domingo. Completamente nu, Pawlenski passou um enorme prego pelo escroto e o fixou ao solo, entre os paralelepípedos.  Seu objetivo era chamar a atenção para a indiferença da sociedade russa contra a censura e o cerceamento aos direitos dos cidadãos, levando a Rússia a tornar-se um estado policial. A ação é uma metáfora para a apatia, a política indiferença e o fanatismo da moderna sociedade russa, explicou ele em um informe.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O ócio e o negócio

O boato do filme Corpus Christi

Origem do termo “América Latina”