Sweetie na caça aos pedófilos da internet



A ONG Terra de Homens anunciou no início de novembro (dia 4) que criou virtualmente uma menina filipina de 10 anos e conseguiu identificar mais de 1.000 predadores sexuais dispostos a pagar para vê-la em atos sexuais por câmera. Segundo a ONG, dezenas de milhares de pedófilos entraram em contato com a menina virtual Sweetie (foto) através de chats públicos para pedir que ela se exibisse sexualmente diante da webcam. O grupo conseguiu identificar mil deles com facilidade em 65 diferentes países, com endereços, números de telefone e até fotos. Com esses dados nas mãos, a ONG transmitiu todas as informações às autoridades competentes, em particular à Interpol.

A ONG deseja sensibilizar a opinião pública e as autoridades para o fenômeno da prostituição infantil na internet e está indignada pelo baixo número de pessoas presas pela prática do turismo sexual por webcam. Segundo a ONG, somente seis criminosos foram presos nos últimos anos. Para a Terra dos Homens, se a ONG conseguiu com facilidade todos os dados de mil pedófilos só com Sweetie, as autoridades de todo mundo deveriam poder identificar muito mais. A ONG alega que, com equipamentos um pouco mais sofisticados, teria facilmente conseguido identificar dez mil.

A Terra de Homens, que realizou uma petição mundial, explicou que informou sua forma de operar às autoridades de diferentes países, em particular como o perfil e a foto da menina foram criados, além de ter esclarecido como se conectou a chats para fazer os predadores caírem na armadilha. A ONG também afirmou, com números da ONU, que em qualquer momento 750 mil predadores pedófilos estão online na internet.

Enquanto isso, nas igrejas nós tratamos o tema Família como se fosse um erro defender os direitos das minorias homossexuais. Há muito mais perversão, no verdadeiro sentido desta palavra, escondida atrás de fugidas fortuitas ao mundo do sexo virtual (talvez até a partir da mesma escrivaninha em que se encontra o computador e um exemplar da bíblia ao lado). O verdadeiro rombo na moral da família em todo o mundo está nesses comportamentos sexuais cometidos entre quatro paredes, na internet, abusando de crianças ou dando respaldo à pornografia. Como diz a ONU, neste exato momento há 750 mil pedófilos online na internet! Não me espantaria se, amanhã ou depois, descobrissem algum bom cristão moralista entre eles...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O ócio e o negócio

O boato do filme Corpus Christi

Origem do termo “América Latina”