Cada um com a sua carga?

Esta imagem já deve ter sido vista por muitas pessoas. Ela passeia pelo FaceBook e desperta atenção por conta do inusitado. Mas trata-se de uma excelente alegoria.

Há pessoas que aplicam todas as suas forças em tarefas que não valem o empenho. São uma carreta gigantesca que transporta um brinquedo. Todo o seu imenso esforço está empenhado em carregar por aí uma carga que poderia perfeitamente ser levada com mais tranquilidade e menos gasto de energia. Ainda assim se queixam: "Tenho uma carga pesada demais sobre os ombros!"

Há pessoas que têm um enorme potencial, mas estão preocupadas somente com as suas atribuições levianas e suas pequenas inquietações. "Levai as cargas uns dos outros" não tem nenhum significado para elas. Estão ocupadas demais com a sua carga de brinquedo.


A vida torna-se bela através do esforço que aplicamos para ajudar a transportar as cargas dos outros. A nossa carga fica leve quando partilhamos o peso sobre os ombros do próximo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O ócio e o negócio

O boato do filme Corpus Christi

Origem do termo “América Latina”