As masmorras capixabas


No dia 17 de novembro, publiquei aqui esta foto e um texto sobre o descaso das cadeias no Espírito Santo, comparando-as aos navios negreiros, pela quantidade de gente enfiada dentro delas. Hoje eu dou uma passada no blog do Erik Schunk (http://erikschunk.blogspot.com/) e leio o seu post sobre as cadeias do Espírito Santo. O caso, que em termos de crueldade ele compara à fervura de presos no Uzbequistão, foi relatado em Genebra na última segunda-feira 15 de março, num painel paralelo à reunião do Conselho de Direitos Humanos da ONU.

Trata-se de um dossiê sobre a situação prisional do Espírito Santo, de 30 páginas sobre o que ficou definido como as "masmorras capixabas". O relatório, que contém oito fotos estarrecedoras de corpos de presos esquartejados, atirados em meio ao lixo, teve que ser enviado à ONU porque as organizações de direitos humanos não conseguiram providências do governo capixada em relação às denúncias.

Segundo o blog de Schunk, "o Espírito Santo tem 7.000 presos espalhados em 26 cadeias, com uma superlotação de 1.800 pessoas. Há detentos guardados em contêineres sem banheiro (equipamento apelidado de micro-ondas). Celas projetadas para 36 presos são ocupadas por 235 desgraçados. Alguns deles ficam algemados pelos pés em salas e corredores."

Se você tiver bastante sangue frio e estômago resistente, poderá ler o relatório na íntegra, e ver as fotografias. Mas, antes de clicar no endereço, não diga que eu não avisei. As imagens são repugnantes. Revoltam profundamente e mexem com a minha dignidade humana. Isso é caso de intervenção direta da ONU no Espírito Santo e em qualquer lugar do mundo em que aconteça apenas uma fração disso. Dizer que vivemos num país em plena democracia, com uma constituição em vigor e judiciário com todos os poderes em funcionamento; um país que almeja uma cadeira no Conselho de Segurança da ONU... Causa repulsa... O relatório está publicado no site do Estadão, no endereço http://www.estadao.com.br/especiais/2009/11/crimesnobrasil_if_es.pdf.

Comentários

  1. isso é realmnte absurdo.é ridiculo um pais democratico como o Brasil ser responsavel por uma situação desumana dessas.o mais ridiculo ainda é que paulo hartung o chefe do crime organizado no estado,verdadeiro bandido não esta em uma cadeia dessas.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

O ócio e o negócio

O boato do filme Corpus Christi

Origem do termo “América Latina”