Uma ideia absurda...

Os chargistas - sempre eles - têm a capacidade de resumir numa imagem e duas frases tudo o que precisa ser dito. Hermano Cortés, teólogo e escritor espanhol de traço maravilhoso e humor ferino, amado e odiado pela igreja na Espanha, é um desses analistas espetaculares. Pena que ele decretou um "ano sabático", encostando seu jogo de lápis num canto. Mesmo assim, vale a pena pescar no seu inesgotável aquário de tiradas certeiras e geniais. Aproveite e visite o link acima e veja o que ele publicou no Periodista Digital.

Esta charge, que o jornal O Caminho, edição de maio, estará publicando nos próximos dias, é simplesmente definitiva! Imaginar o grupo dos discípulos de Jesus reunidos, após a crucificação, a Páscoa e a ascensão, discutindo acaloradamente o que irão fazer sem o Mestre por perto, é coisa de pregador de mão cheia! Meio sem rumo, e de olho nas possibilidades reais para um futurto razoável, um dos discípulos (no caso, Tiago) ousa sugerir que eles fundem uma Igreja. A reação de quem conduz a reunião (que eu imagino ser Pedro) é de absoluta indignação. Que ideia mais maluca!

Pois veja no que deu, dois mil anos depois...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O ócio e o negócio

O boato do filme Corpus Christi

Origem do termo “América Latina”