O mundo é uma aldeia


No ano de 1962, a estilista britânica Mary Quant revolucionava o mundo da moda ao inventar a minissaia. Mesmo com a pretensão comunista de “isolar” o Leste do capitalismo, apenas um ano depois a jovem Annette Hellbach, de Haldensleben, na então República Democrática Alemã – mais conhecida como Alemanha Comunista – já tinha um exemplar também. Para entrar na moda do ocidente, ela simplesmente cortou o seu vestido azul-celeste e refez a bainha, bem ao estilo de milhões de moças pobres do ocidente à época, que “produziam” a sua minissaia do mesmo jeitinho. A foto acima mostra a orgulhosa proprietária do mini-vestido durante suas férias na praia, posando sobre o Trabant de propriedade dos pais.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O ócio e o negócio

O boato do filme Corpus Christi

Origem do termo “América Latina”