Anistia Internacional quer processar Bush


A Anistia Internacional convocou o governo norte-americano a processar o ex-presidente George W. Bush, por afirmar no livro Decision Points que ordenou o exército a usar a técnica de afogamento em prisioneiros sob interrogatório. A prática é enquadrada como uma forma de tortura pela própria CIA.

Para o chefe da Anistia Internacional Rob Freer, a confissão de Bush é suficiente para desencadear a obrigação internacional que os Estados Unidos têm de investigar a confissão e levá-lo à justiça.

Em seu livro, escrito pelo jornalista Christopher Michael, de 28 anos, Bush conta que autorizou a CIA a usar a simulação de afogamento ou “submarino” contra o autoproclamado idealizador dos ataques de 11 de setembro de 2001, Khaled Cheikh Mohammed.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O ócio e o negócio

O boato do filme Corpus Christi

Origem do termo “América Latina”