Big Bang Big Boom



Esta animação em vídeo de dez minutos gastou muita tinta, meses de trabalho, criatividade e resultou num novo olhar sobre a história da vida do ser humano na Terra. Tudo isso pelas mãos do artista italiano Blu, especializado em artes de rua, que resultou em uma das animações Stop Motion mais impressionantes: o Big Bang Big Boom.

Stop Motion é uma técnica de animação que consiste basicamente em tirar várias fotos de objetos em diferentes posições ou ambientes em determinados intervalos de tempo. Depois é só juntar as imagens capturadas para termos a impressão de movimento. Imagine o trabalho gigantesco por trás desta obra.

Para ter uma ideia, esse vídeo tem uma média de oito imagens por segundo. Ou seja, na maior parte das cenas, oito imagens foram pintadas em paredes, calçadas e muros, sempre com um cuidado para que, ao juntá-las, os espectadores tivessem a impressão de uma única imagem em movimento. Isso significa 480 pinturas diferentes para cada minuto de evolução ilustrada. O trabalho todo levou uns dez meses para ficar pronto.

Afora o trabalho, a genialidade e a criatividade do artista, a mensagem é espetacular. Merece a nossa reflexão sobre onde queremos chegar. A iminência belicosa de mais uma guerra, desta vez, retomando a nunca encerrada guerra entre as duas Coréias, faz ressurgir em nos os mais assombrosos monstros.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O ócio e o negócio

O boato do filme Corpus Christi

Origem do termo “América Latina”