Desespero por causa de saúde



Um americano identificado como James Verone, de 59 anos, entrou em um banco de Gastonia (Carolina do Norte) para roubar um dólar, com o único objetivo de ir para a cadeia para receber tratamento médico. Ao chegar à agência bancária, Verone aproximou-se de uma caixa a quem entregou um bilhete com a mensagem: “Isto é um assalto. Entregue-me um dólar”. Ele não estava armado. Depoism sentou-se em um banco e, calmamente, esperou pela chegada da polícia.

Quando os agentes chegaram, não resisitiu à prisão, pois seu objetivo era ser preso. Verone está desempregado e necessita pagar um tratamento para curar-se de uma enfermidade no peito e na coluna vertebral, que não consegue pagar. Ele poderia sair livre se pagasse uma fiança de 2.000 dólares, mas como cometeu deliberadamente uma pena leve e sem violência, permanecerá preso até o julgamento, recebendo tratamento de saúde e outras regalias que o estado garante a esse tipo de preso, inclusive depois de ser solto novamente.

Enquanto eles se consideram uma país avançado e muitos dos nossos pensam exatamente desse jeito também, julgando o Brasil um país atrasado e despreparado, nós temos o SUS e garantia na constituição de que todo brasileiro tem direito a atendimento público e gratuito de saúde. Nos EUA isto é apenas um sonho. Obama tentou mudar isso e tem tudo para perder a reeleição, por tentar mudar a lei da saúde por lá.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O ócio e o negócio

O boato do filme Corpus Christi

Origem do termo “América Latina”