A volta do bom senso

Helle Thorning-Schmidt é a nova premiê dinamarquesa

Parece que a crise econômica que varre a União europeia está tendo alguns efeitos colaterais muito bons. No que se refere ao medo do futuro, parece que os europeus até poderiam conviver com problemas de dinheiro, mas não com problemas de liberdade. A nova premiê dinamarquesa Helle Thorning-Schmidt, que é social-democrata, acaba de pôr um fim no controle de fronteira que o governo anterior havia imposto.

Em Bruxelas, sede da União europeia, a notícia soou como música. O controle, que havia sido reinstaurado pelo Partido do Povo Dinamarquês (DF), populista e de direita, fora visto pela UE com grande preocupação. “Estamos felizes com o fato de que o novo governo não vai dar continuidade a isso”, disse uma porta-voz.

O ministro alemão do Exterior, Guido Westerwelle, declarou em Berlim que a decisão do novo governo dinamarquês foi tomada “em prol da liberdade dos cidadãos na Europa”. O juízo está retornando.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O ócio e o negócio

O boato do filme Corpus Christi

Origem do termo “América Latina”