Sem sinal de rubor



Estes são os representantes do nosso valoroso povo trabalhador. São os primeiros a apontar “corrupção”... no gabinete dos outros, no governo dos outros, nos outros Estados da Federação, em Brasília... Em sua opinião, cínica e sem qualquer sinal de rubor na face, justificam com uma desenvoltura impressionante suas “atribuições” na Assembléia Legislativa Catarinense. Certamente se contam entre os paladinos da moral e da ética na gestão pública. E esses são apenas os casos até agora levados à luz do dia... a ponta de um iceberg que emperra, sufoca, leva à inanição a máquina do governo e do estado. É asqueroso.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O ócio e o negócio

O boato do filme Corpus Christi

Origem do termo “América Latina”